Quanto Custa Cirurgia Do Canal Lacrimal? - CLT Livre

Quanto Custa Cirurgia Do Canal Lacrimal?

Quanto Custa Cirurgia Do Canal Lacrimal
As opções de remoção completa e de remoção parcial da cirurgia variam de US $ 100 a US $ 400 e muitas vezes deixam o cão suscetível a ‘olho seco’, pois o canal lacrimal não está mais lá para ajudar a lubrificar o globo ocular.

Quanto tempo dura uma cirurgia do canal lacrimal?

Homepage Serviços Dacriocistorrinostomia Quanto Tempo Dura A Cirurgia De Dacriocistorrinostomia?

1 respostas Quanto tempo dura a cirurgia de Dacriocistorrinostomia? Nos casos mais tranquilos, por volta de 40 minutos ja acabou. Mas a maioria não é assim. Entre iniciar e terminar, por volta de 1 hora, sem contar o período de observação, que eu costumo deixar até 2 horas.

Quanto custa uma cirurgia de desobstrução?

ARTIGO ORIGINAL Custos hospitalares da cirurgia de revascularização do miocárdio em pacientes coronarianos eletivos Nagib Haddad; Eliana Bittar; Andréa Fabiana de Marchi; Coralice dos Santos Veiga Kantorowitz; Andréa Cotait Ayoub; Mayuli Lurbe Fonseca; Leopoldo Soares Piegas Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia – São Paulo, SP Correspondência RESUMO OBJETIVO: Avaliar os custos hospitalares da cirurgia de revascularização do miocárdio em pacientes coronarianos eletivos e relacioná-los com o número de enxertos realizados. MÉTODOS: Estudo descritivo prospectivo, realizado no Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia, nos meses de abril, maio e junho de 2005, em pacientes coronarianos de ambos os sexos, de qualquer idade. Foram excluídos os pacientes atendidos na emergência, os que tinham outras alterações cardíacas associadas e os casos de reoperação. Foram elaborados formulários apropriados para a fase inicial de internação no pré-operatório, para o centro cirúrgico, para o pós-operatório imediato e para a fase de internação final na enfermaria. RESULTADOS: O procedimento foi realizado em 103 pacientes, com o custo médio total de R$ 6.990,30, com um mínimo de R$ 5.438,69, um máximo de R$ 11.778,96, desvio padrão de R$ 1.035,47 e intervalo de confiança de 95% de R$ 6.790,33-R$ 7.190,27, correspondendo, em dólares, a média de US$ 2.784,98, mínimo de US$ 2.166,81, máximo de US$ 4.692,81, desvio padrão de US$ 412,54 e intervalo de confiança de 95% de US$ 2.705,31-US$ 2.864,67. O custo médio total para a cirurgia de três a cinco pontes foi maior (R$ 7.148,05) que para a cirurgia de uma a duas pontes (R$ 6.659,29) e a diferença foi significante (p < 0,05). CONCLUSÃO: Os maiores custos médios foram no centro cirúrgico (R$ 4.627,97) e no pós-operatório imediato (R$ 1.221,39), seguidos pela enfermaria depois do pós-operatório imediato (R$ 840,04) e pela enfermaria inicial de pré-operatório (R$ 300,90). Palavras-chave: Custos hospitalares, doença arterial coronária, economia da saúde, custos da cirurgia de revascularização do miocárdio. Introdução O progresso tecnológico na área da saúde, introduzindo novos equipamentos, novos métodos diagnósticos e novos processos terapêuticos, tem provocado o crescimento dos gastos, afetando a economia de vários países 1,2, Esse crescimento relativo pode se tornar insustentável a longo prazo, havendo então a necessidade de se estudar estratégias de controle dos custos. O primeiro passo é avaliar os custos de determinados procedimentos médicos, analisando-se o custo-benefício e o custo-efetividade, a fim de que, a par de se obter o melhor resultado possível para o paciente, seja realizada uma comparação desses indicadores, para escolha daqueles que tenham menor impacto nos recursos econômicos destinados à área da saúde. Com relação ao tratamento da doença arterial coronária, têm surgido, nas últimas décadas, na literatura científica, vários trabalhos visando a estes e outros aspectos econômicos dos procedimentos de tratamento clínico, da cirurgia de revascularização do miocárdio, da angioplastia transluminal percutânea e da implantação de stents 3-9,

Como é feita a cirurgia para abrir o canal lacrimal?

Para entender como é feita a cirurgia de via lacrimal, é preciso, primeiro, compreender de onde vêm as lágrimas e como são produzidas. As lágrimas são feitas por pequenas glândulas acima dos nossos olhos, chamadas glândulas lacrimais. Há uma glândula acima de cada olho; cada um produz lágrimas que viajam pelo olho através de pequenos tubos, chamados ductos.

  • Há vários desses ductos lacrimais atrás das pálpebras superiores.
  • Nossos dutos lacrimais estão constantemente produzindo lágrimas, para manter nossos olhos limpos e úmidos, mas geralmente nem percebemos.
  • Quando piscarmos, limpamos o fluido lacrimal sobre os olhos, mantendo-os úmidos.
  • Este fluido é então drenado dos olhos através de mais ductos.

É só quando começamos a produzir muito mais lágrimas que começamos a notá-las, pois os dutos que drenam o fluido não conseguem lidar com todas as lágrimas extras. E do que as lágrimas são feitas? As lágrimas são basicamente feitas de água levemente salgada.

Água; Eletrólitos (sódio, potássio, cloreto, bicarbonato, magnésio e cálcio). É isso que dá lágrimas ao gosto salgado; Proteínas (lisozima, lactoferrina, lipocalina e IgA). As lágrimas têm apenas cerca de um décimo da proteína do plasma sanguíneo; Lipídios.

Entendendo a via lacrimal Quando você tem um ducto lacrimal obstruído, suas lágrimas não podem drenar normalmente, e você acaba ficando com um olho aguado e irritado. A condição é causada por uma obstrução parcial ou completa no sistema de drenagem de lágrimas.

Um ducto lacrimal bloqueado é comum em recém-nascidos. A situação geralmente melhora sem qualquer tratamento durante o primeiro ano de vida. Nos adultos, um canal lacrimal bloqueado pode ser devido a uma lesão, uma infecção ou até mesmo um tumor. Um canal lacrimal bloqueado é quase sempre corrigível. O tratamento depende da causa do bloqueio e da idade da pessoa afetada.

As vias lacrimais bloqueadas podem acontecer em qualquer idade. Podem até estar presentes no nascimento (congênitas) como já citamos neste artigo. As causas podem ser: Bloqueio congênito: muitos bebês nascem com um ducto lacrimal bloqueado. O sistema de drenagem de lágrimas pode não estar totalmente desenvolvido ou pode haver uma anormalidade do ducto.

  • Muitas vezes, uma fina membrana tecidual permanece sobre a abertura que deságua no nariz (ducto nasolacrimal).
  • Mudanças relacionadas à idade: à medida que você envelhece, as pequenas aberturas que drenam as lágrimas (puncta) podem ficar mais estreitas, causando o bloqueio.
  • Infecção ou inflamação: infecção crônica ou inflamação dos olhos, sistema de drenagem de lágrimas ou nariz pode causar o bloqueio dos canais lacrimais.
You might be interested:  Alergia Nas Axilas Qual Pomada Usar?

Lesão ou trauma: uma lesão no rosto pode causar danos ósseos ou cicatrizes perto do sistema de drenagem, interrompendo o fluxo normal de lágrimas pelos ductos. Mesmo pequenas partículas de sujeira ou células soltas da pele alojadas no duto podem causar obstrução.

Quanto tempo leva para desobstruir o canal lacrimal?

A obstrução normalmente desaparece até o 1 ano de idade, de maneira espontânea. – A condição pode acometer apenas um olho e já poderá ser percebida desde a terceira semana de vida, sendo possível ser identificada com um exame de vista infantil de rotina.

Como desentupir o canal da lágrima?

3. Colocação de sonda no canal lacrimal – A colocação de uma sonda no canal lacrimal, também chamada de sondagem do canal lacrimal, consiste em inserir um pequeno tubo fino no canal lacrimal para desobstruir o canal e drenar as lágrimas. No caso de bebês, esse tipo de tratamento geralmente é feito com anestesia geral.

O que causa o entupimento do canal lacrimal?

Causas para canal lacrimal entupido Infecção do sistema dos dutos lacrimais ou das vias nasais; Lesão ou trauma no olho (O trauma pode ser tão pequeno quanto a entrada de alguma sujeira ou outras partículas estranhas em seu olho, ou tão sério quanto uma pancada na cabeça que fere o olho ou a órbita);

Qual é o valor de uma cirurgia?

Cirurgia Plástica

Procedimento Tipo Anestesia Valor R$
CORREÇÃO DE CICATRIZ – ABDOME OU REGIÃO SUPRA PÚBICA Geral 7.900,00
IMPLANTE DE PRÓTESE MAMÁRIA Geral 5.440,00
LIPOASPIRAÇÃO MÉDIA Geral 6.100,00
LIPOASPIRAÇÃO PEQUENA Geral 5.100,00

Qual é o valor de uma cirurgia de catarata?

Afinal, qual o preço da cirurgia de catarata em 2022? – O preço da cirurgia de catarata pode variar entre 3 e 15 mil reais por olho, O valor depende, principalmente, dos seguintes fatores:

A lente intraocular que será introduzida no olho do paciente;A técnica cirúrgica adequada para o caso;A clínica escolhida pelo paciente;A cidade onde a cirurgia será realizada.

Geralmente, as cirurgias mais baratas são aquelas em que se utilizam lentes nacionais. Já as mais caras são as lentes trifocais ou multifocais. Existem muitos tipos de lentes intraoculares, que podem se dividir entre lentes nacionais e importadas; lentes asféricas ou esféricas; lentes monofocais, bifocais e trifocais; lentes tóricas; lentes multifocais Muita coisa, né? Mas fique tranquilo, porque o oftalmologista vai te explicar tudo direitinho durante a consulta, ok? Ao pesquisar por preços para cirurgia de catarata, fique atento se a clínica inclui todos os custos que compõem o valor total da operação, como a lente intraocular (nacional ou importada); todos os exames pré-operatórios oftalmológicos; o exame de risco cirúrgico; e toda a equipe médica, como o cirurgião e o anestesista.

  1. Além de tudo isso, é importante perguntar pelas formas de pagamento.
  2. Hoje em dia, é possível até mesmo financiar cirurgias.
  3. Por isso, para saber o preço de uma cirurgia de catarata, procure um oftalmologista que faz esse tipo de cirurgia.
  4. Só ele saberá dizer qual a lente ideal para o seu caso e qual a técnica cirúrgica indicada e, consequentemente, você saberá quanto será a sua cirurgia! No vídeo abaixo, o Dr.

Davi Gomes dos Anjos (CRM RJ 52-108927-7), um dos cirurgiões de catarata da dr.olho, fala tudo sobre a cirurgia de catarata: como é, quanto tempo dura, como é a anestesia e como é o pós operatório. Como é a cirurgia de Catarata? Como é a anestesia? Quanto tempo dura? Dr.

Davi Gomes dos Anjos (CRM RJ 52-108927-7), oftalmologista especialista em cirurgia de catarata, te conta tudo sobre a cirurgia de catarata! Se você está procurando por um pacote de cirurgia de catarata com tudo incluso a preço acessível e pagamento facilitado no Rio de Janeiro, clique aqui e saiba mais sobre a cirurgia de catarata na dr.olho oftalmologia! As lentes intraoculares trifocais, também chamadas de lentes multifocais, são as lentes que mais se aproximam da lente natural do olho, o cristalino.

Elas proporcionam visão para perto, intermediário e longe, deixando o paciente mais independente de óculos. O preço da cirurgia de catarata com lente trifocal é de R$10 mil reais em média, O valor final depende de avaliação médica, porque pode variar conforme o caso.

Como ganhar uma cirurgia plástica de graça?

Como conseguir uma cirurgia plástica pelo SUS ? – Qualquer pessoa que tenha um cartão do SUS e comprove que não pode arcar com os gastos de uma plástica, pode fazer uma cirurgia gratuita. Entretanto, a prioridade será sempre para procedimentos de cunho reparador, para pacientes que possuem alguma patologia ou deformidade severa. Quanto Custa Cirurgia Do Canal Lacrimal O primeiro passo é agendar uma consulta. As etapas para conseguir a liberação são bem burocráticas e podem levar um bom tempo para comprovar que, de fato, a operação é necessária. E mesmo após comprovar que é preciso realizar o procedimento, ainda é preciso aguardar muitos anos, havendo casos de pacientes que esperaram por mais de 10 anos para serem chamadas.

Qual o nome do especialista em vias lacrimais?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? É o médico oftalmologista que se especializou nas vias lacrimais (doenças e tratamentos). O oftalmologista especialista em plástica ocular são os médicos que atuam na área de pálpebras, vias lacrimais e órbita. Procure na sua cidade ou no local mais próximo de você um oftalmologista especialista em plástica ocular. Este poderá orientar o tratamentos de doença relacionado a vias lacrimais. Att, Dr. Felipe Eing Oftalmologista Especialista em plástica ocular

Quanto tempo dura Dacriocistite?

Homepage Doenças Dacriocistite Quanto Tempo Dura Um Episódio De Dacriocistite? ( É A Primeira Vez Que Tenho)

3 respostas Quanto tempo dura um episódio de dacriocistite? ( é a primeira vez que tenho) Olá! A duração do episódio é variável, de acordo com o início do diagnóstico e tratamento, sua imunidade e doenças associadas(pode demorar mais em diabéticos por exemplo), mas normalmente se resolve com antibióticos em cerca de uma semana, sendo que estes usualmente são prescritos por 14 dias.

You might be interested:  Qual Pomada Usar Para Alergia A Absorvente?

Para que local é feita a drenagem do canal Lacrimonasal?

O caminho da lágrima – Produzidas pelas glândulas lacrimais, localizadas atrás das pálpebras superiores, as lágrimas fluem para a superfície dos olhos. São então drenadas por meio de duas aberturas para dentro do saco lacrimal e, por sua vez, caminhando para o tubo do canal lacrimal para o nariz e a garganta.

Quando há alguma obstrução nesse caminho, há a presença de secreção ocular. Essa condição é bastante comum em recém-nascidos e crianças, mas também pode acometer adultos com mais de 50 anos de idade. Por isso, é possível dizer que o problema pode ser congênito ou adquirido. Não há, no entanto, evidências sobre a causa dessa condição.

Infecções podem ser apontadas como causa, no entanto, costumam aparecer consequência da obstrução.

Onde fica o ducto lacrimal?

PUBLICIDADE Definição O saco lacrimal é a extremidade superior dilatada do ducto nasolacrimal e está alojado em um sulco profundo formado pelo osso lacrimal e pelo processo frontal da maxila. Ele conecta os canalículos lacrimais, que drenam as lágrimas da superfície do olho, e o ducto nasolacrimal, que transporta esse líquido para a cavidade nasal.

O que é o Saco lacrimal? O saco lacrimal é a parte superior alargada do ducto nasolacrimal, que é conhecido como o ducto lacrimal em termos leigos. Por sua vez, o canal lacrimal é uma das principais partes do aparelho lacrimal. O saco lacrimal desempenha um papel na produção e drenagem de lágrimas nos olhos.

Com uma forma oval, o saco lacrimal tem um comprimento de cerca de 0,47 a 0,59 polegadas (12 a 15 mm). A extremidade superior do saco tem uma estrutura fechada e arredondada. Sua extremidade inferior corre para o canal lacrimal. Cobertura na superfície externa do saco é uma parte fibrosa do ligamento palpebral medial, ou tendo oculi, que é responsável por anexar a placa das bordas das pálpebras com a cavidade ocular.

  1. O músculo responsável pelo fechamento das pálpebras – orbicularis oculi – atravessa a superfície interna do saco.
  2. Colocado em um sulco profundo, o saco lacrimal é criado pelo osso lacrimal e pelo processo frontal da maxila.
  3. O osso lacrimal, o mais pequenino e menos resistente dos ossos da face, aloja o saco de sua metade superior através de uma abertura chamada de fossa lacrimal, ou fossa para o saco lacrimal.

A parte inferior dessa abertura é onde o canal lacrimal está localizado. O processo frontal da maxila, ou da mandíbula superior, está envolvido com a formação do saco, unindo-se à margem interna do sulco longitudinal do osso lacrimal, denominado sulco lacrimal ou sulco lacrimal. Quanto Custa Cirurgia Do Canal Lacrimal Um saco lacrimal bloqueado causa produção anormal de lágrimas O saco lacrimal conecta duas partes do aparelho lacrimal: os canalículos lacrimais e o ducto nasolacrimal. Ele drena as lágrimas da superfície do olho através dos canalículos lacrimais, que são tão comumente chamados de canais lacrimais e ductos lacrimais.

Estes estão ligados ao saco pelo ducto superior, que viaja para ele de maneira intermediária para baixo, e pelo ducto inferior, maior e maior, abaixo do duto superior, que corre em um curso horizontal. O duto lacrimal então transporta as lágrimas do saco para a cavidade nasal, assim o prefixo “naso”.

Em alguns casos, o ducto nasolacrimal pode coletar o excesso de lágrimas do saco lacrimal. O excesso de fluido é então depositado no meato nasal inferior, que é a maior das três aberturas do nariz. Isso explica porque o nariz começa a correr quando uma pessoa chora ou tem olhos lacrimejantes devido a uma reação alérgica.

O que é Dacriocistite?

Recursos do assunto Dacriocistite é a infecção do saco lacrimal, geralmente devido a bloqueio do canal nasolacrimal. O saco lacrimal é uma pequena câmara para a qual as lágrimas são drenadas. A causa comum da dacriocistite é a obstrução do canal nasolacrimal, que drena as lágrimas do saco lacrimal para o nariz.

A dacriocistite pode ocorrer de repente (aguda) ou ser duradoura (crônica). Frequentemente, a dacriocistite infecciosa é leve. Algumas vezes a infecção é grave e pode causar febre. Outras vezes pode se formar um acúmulo de pus (abscesso) que pode romper através da pele, criando uma passagem para a drenagem.

Na dacriocistite aguda, a área em volta do saco lacrimal fica dolorida, vermelha e inchada. A área em volta do olho pode ficar vermelha e aquosa e pode drenar pus. Uma leve pressão, aplicada sobre o saco lacrimal, pode empurrar o material espesso pelo punctum (abertura no canto interno da pálpebra, próxima ao nariz).

Para dacriocistite aguda, antibióticos seguidos por cirurgia Para dacriocistite crônica, cirurgia

Em geral, a dacriocistite aguda é tratada com um antibiótico tomado por via oral. Se houver febre ou se a infecção for grave, pode ser necessário administrar antibióticos por via intravenosa. A aplicação de compressas quentes sobre a área afetada, várias vezes ao dia, também ajuda. Direitos autorais © 2022 Merck & Co., Inc., Rahway, NJ, EUA e suas afiliadas. Todos os direitos reservados.

O que significa dacriocistorrinostomia?

REVIEW ARTICLE Dacriocistorrinostomia endoscópica Renato Roithmann I ; Tiana Burman II ; Peter-John Wormald III I Professor de Otorrinolaringologia da Universidade Luterana do Brasil. Membro Associado do Departamento de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço – Hospital Mount Sinai -Toronto, Canadá.

(Chefe do Serviço de ORL do Hospital Universitário da ULBRA/Mãe de Deus) II Oftalmologista especialista em cirurgia plastica ocular, Doutorado em Oftalmologia pela Universidade de Sao Paulo. (Preceptora do Serviço de Oftalmologia da Santa Casa de Misericordia de Porto Alegre) III Professor e Chefe do Departamento de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Universidade de Adelaide, Adelaide, Austrália Endereço para correspondência RESUMO A abordagem cirúrgica do saco lacrimal por via intranasal assistida por videoendoscopia é, hoje, realizada com altos índices de sucesso.

Apesar da técnica tradicional por via externa apresentar resultados bastante satisfatórios, tem a grande desvantagem de necessitar de uma incisão de pele e sua consequente cicatriz local. Com o desenvolvimento e aprimoramento do instrumental e das técnicas endonasais, a abordagem endoscópica é cada vez mais utilizada.

OBJETIVO: Este artigo revisa a anatomia do sistema lacrimal, a avaliação pré-operatória e os detalhes técnicos da cirurgia assistida por endoscopia que podem proporcionar os desfechos cirúrgicos mais favoráveis ao paciente. As complicações e as causas de insucesso cirúrgico são também brevemente revisadas.

METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão da experiência dos autores nos últimos 10 anos de aplicação da técnica endoscópica para cirurgia do saco lacrimal. CONCLUSÃO: Os resultados da dacriocistorrinostomia endoscópica são, no mínimo, iguais aos da técnica tradicional externa.

  • Apesar disto, o trabalho conjunto do oftalmologista e do otorrinolaringologista é muito vantajoso para o melhor manejo possível do paciente com epífora.
  • Palavras-chave: cirurgia endoscópica por orifício natural, dacriocistorinostomia, doenças do aparelho lacrimal.
  • INTRODUÇÃO A dacriocistorrinostomia é o tratamento padrão para a obstrução do ducto nasolacrimal 1,
You might be interested:  Mensagem Bíblica Para Quem Vai Fazer Cirurgia?

A cirurgia consiste basicamente na abertura do saco lacrimal, que é conectado ao nariz, pela remoção do osso e da mucosa entre estas duas estruturas, ao nível do meato médio. A técnica tradicional de eleição dos oftalmologistas é a externa, na qual uma incisão é realizada na pele para o acesso ao osso, seguida de uma osteotomia por via externa, a abertura da mucosa nasal e a criação de flaps no saco lacrimal realizada de fora para dentro.

A abordagem endonasal assistida por endoscopia segue o caminho inverso. Um retalho de mucosa nasal é criado no primeiro momento, seguido da osteotomia endonasal do osso para expor o saco lacrimal e a marsupialização do mesmo para o interior da cavidade nasal. A exposição e visualização endoscópica de todo o saco lacrimal é fantástica.

As taxas de sucesso da dacriocistorrinostomia tanto por via externa como por via endonasal superam os 90% em mãos experientes.

Qual o nome do especialista em vias lacrimais?

Tire todas as dúvidas durante a consulta online – Se precisar de aconselhamento de um especialista, marque uma consulta online. Você terá todas as respostas sem sair de casa. Mostrar especialistas Como funciona? É o médico oftalmologista que se especializou nas vias lacrimais (doenças e tratamentos). O oftalmologista especialista em plástica ocular são os médicos que atuam na área de pálpebras, vias lacrimais e órbita. Procure na sua cidade ou no local mais próximo de você um oftalmologista especialista em plástica ocular. Este poderá orientar o tratamentos de doença relacionado a vias lacrimais. Att, Dr. Felipe Eing Oftalmologista Especialista em plástica ocular

Quanto tempo dura Dacriocistite?

Homepage Doenças Dacriocistite Quanto Tempo Dura Um Episódio De Dacriocistite? ( É A Primeira Vez Que Tenho)

3 respostas Quanto tempo dura um episódio de dacriocistite? ( é a primeira vez que tenho) Olá! A duração do episódio é variável, de acordo com o início do diagnóstico e tratamento, sua imunidade e doenças associadas(pode demorar mais em diabéticos por exemplo), mas normalmente se resolve com antibióticos em cerca de uma semana, sendo que estes usualmente são prescritos por 14 dias.

Para que local é feita a drenagem do canal Lacrimonasal?

O caminho da lágrima – Produzidas pelas glândulas lacrimais, localizadas atrás das pálpebras superiores, as lágrimas fluem para a superfície dos olhos. São então drenadas por meio de duas aberturas para dentro do saco lacrimal e, por sua vez, caminhando para o tubo do canal lacrimal para o nariz e a garganta.

  1. Quando há alguma obstrução nesse caminho, há a presença de secreção ocular.
  2. Essa condição é bastante comum em recém-nascidos e crianças, mas também pode acometer adultos com mais de 50 anos de idade.
  3. Por isso, é possível dizer que o problema pode ser congênito ou adquirido.
  4. Não há, no entanto, evidências sobre a causa dessa condição.

Infecções podem ser apontadas como causa, no entanto, costumam aparecer consequência da obstrução.

O que significa dacriocistorrinostomia?

REVIEW ARTICLE Dacriocistorrinostomia endoscópica Renato Roithmann I ; Tiana Burman II ; Peter-John Wormald III I Professor de Otorrinolaringologia da Universidade Luterana do Brasil. Membro Associado do Departamento de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço – Hospital Mount Sinai -Toronto, Canadá.

  • Chefe do Serviço de ORL do Hospital Universitário da ULBRA/Mãe de Deus) II Oftalmologista especialista em cirurgia plastica ocular, Doutorado em Oftalmologia pela Universidade de Sao Paulo.
  • Preceptora do Serviço de Oftalmologia da Santa Casa de Misericordia de Porto Alegre) III Professor e Chefe do Departamento de Otorrinolaringologia e Cirurgia de Cabeça e Pescoço, Universidade de Adelaide, Adelaide, Austrália Endereço para correspondência RESUMO A abordagem cirúrgica do saco lacrimal por via intranasal assistida por videoendoscopia é, hoje, realizada com altos índices de sucesso.

Apesar da técnica tradicional por via externa apresentar resultados bastante satisfatórios, tem a grande desvantagem de necessitar de uma incisão de pele e sua consequente cicatriz local. Com o desenvolvimento e aprimoramento do instrumental e das técnicas endonasais, a abordagem endoscópica é cada vez mais utilizada.

  1. OBJETIVO: Este artigo revisa a anatomia do sistema lacrimal, a avaliação pré-operatória e os detalhes técnicos da cirurgia assistida por endoscopia que podem proporcionar os desfechos cirúrgicos mais favoráveis ao paciente.
  2. As complicações e as causas de insucesso cirúrgico são também brevemente revisadas.

METODOLOGIA: Trata-se de uma revisão da experiência dos autores nos últimos 10 anos de aplicação da técnica endoscópica para cirurgia do saco lacrimal. CONCLUSÃO: Os resultados da dacriocistorrinostomia endoscópica são, no mínimo, iguais aos da técnica tradicional externa.

  1. Apesar disto, o trabalho conjunto do oftalmologista e do otorrinolaringologista é muito vantajoso para o melhor manejo possível do paciente com epífora.
  2. Palavras-chave: cirurgia endoscópica por orifício natural, dacriocistorinostomia, doenças do aparelho lacrimal.
  3. INTRODUÇÃO A dacriocistorrinostomia é o tratamento padrão para a obstrução do ducto nasolacrimal 1,

A cirurgia consiste basicamente na abertura do saco lacrimal, que é conectado ao nariz, pela remoção do osso e da mucosa entre estas duas estruturas, ao nível do meato médio. A técnica tradicional de eleição dos oftalmologistas é a externa, na qual uma incisão é realizada na pele para o acesso ao osso, seguida de uma osteotomia por via externa, a abertura da mucosa nasal e a criação de flaps no saco lacrimal realizada de fora para dentro.

  1. A abordagem endonasal assistida por endoscopia segue o caminho inverso.
  2. Um retalho de mucosa nasal é criado no primeiro momento, seguido da osteotomia endonasal do osso para expor o saco lacrimal e a marsupialização do mesmo para o interior da cavidade nasal.
  3. A exposição e visualização endoscópica de todo o saco lacrimal é fantástica.

As taxas de sucesso da dacriocistorrinostomia tanto por via externa como por via endonasal superam os 90% em mãos experientes.