O Que É Uma Pessoa Narcisista

Características de uma Pessoa Narcisista

O Que É Uma Pessoa Narcisista

A preocupação em ser grandioso, o exibicionismo, sentimento de indiferença em relação ao outro, a ausência de empatia e a incapacidade de se relacionar são aspectos que definem o narcisismo , segundo Anna Karynne Melo, psicóloga, psicoterapeuta e coordenadora do curso de Psicologia da Universidade de Fortaleza.

Sinais e sintomas característicos do transtorno de personalidade narcisista

Os indícios e manifestações do transtorno narcisista de personalidade podem variar em intensidade. De acordo com o DSM-5, manual utilizado pela Associação Americana de Psiquiatria para diagnóstico de transtornos mentais, os sintomas incluem: [insira aqui os sintomas].

A falta de empatia é uma característica presente nas pessoas que não conseguem ou não se esforçam para reconhecer as necessidades e sentimentos dos outros. Além disso, elas também tendem a exagerar suas conquistas, buscando reconhecimento mesmo sem merecerem, e constantemente diminuem aqueles ao seu redor.

Essas pessoas se consideram especiais e acreditam ser superiores, o que faz com que só consigam se relacionar com indivíduos igualmente “especiais”. Elas exigem privilégios em todos os lugares que frequentam e têm uma mentalidade invejosa, acreditando que todos sentem inveja delas.

Outra característica dessas pessoas é a falta de limites. Elas sonham com possibilidades ilimitadas de poder, sucesso e conquistas. Além disso, buscam aplausos constantes e excessivos, procurando sempre por elogios e reconhecimento.

Essas pessoas também costumam explorar os outros emocionalmente. Elas querem dedicação sem oferecer reciprocidade adequada nos relacionamentos pessoais ou profissionais. Por fim, são arrogantes: monopolizam as conversas ignorando aqueles que consideram “inferiores”, além de serem vaidosas e pretensiosas.

Diferentes formas de narcisismo

Existem diferentes tipos de narcisistas, de acordo com um estudo conduzido pela Universidade de Nova York. Esses tipos são conhecidos como narcisismo grandioso e vulnerável.

Os narcisistas grandiosos são frequentemente pessoas extrovertidas, dominantes e arrogantes. Eles possuem uma autoestima elevada, confiança em si mesmos e geralmente experimentam sentimentos de felicidade.

Já os indivíduos vulneráveis são caracterizados pela insegurança, timidez e baixa autoestima. É comum que sejam ansiosos, mais suscetíveis às críticas e possam enfrentar quadros de depressão.

Independentemente da situação, tanto os indivíduos de um tipo quanto do outro são pessoas egoístas. Eles têm uma visão elevada de si mesmos e estão constantemente em busca de elogios e admiração dos outros.

You might be interested:  Data da Páscoa em 2024

Entendendo o Transtorno de Personalidade Narcisista

Identificar uma pessoa com transtorno nem sempre é uma tarefa fácil.

Segundo o líder da ABP, é necessário observar um padrão contínuo de comportamentos que difere das expectativas para diagnosticar os transtornos de personalidade.

Esse padrão se manifesta em duas ou mais áreas, como o pensamento, as emoções, a forma de se relacionar com os outros e o controle dos impulsos. Isso causa sofrimento e dificuldades na interação social, no trabalho e em várias áreas da vida. Geralmente, os sinais e sintomas começam a aparecer durante a adolescência ou no início da fase adulta.

O psiquiatra geralmente realiza o diagnóstico através de uma entrevista com o paciente, conhecida como anamnese. Durante essa conversa, o especialista verifica se a pessoa apresenta pelo menos cinco dos critérios estabelecidos pelo DSM-5. Esses comportamentos costumam ocorrer em diferentes situações.

De acordo com especialistas, é desafiador determinar a intensidade do narcisismo mesmo após uma avaliação minuciosa do indivíduo. Além disso, é frequente confundir o narcisismo com outros transtornos de personalidade, como borderline, bipolar, antissocial e histriônico devido às semelhanças dos sintomas.

No início, um narcisista pode parecer não muito diferente de uma pessoa comum. No entanto, eles têm uma aversão a não receber atenção especial em qualquer situação. Seja em um hotel, durante uma consulta médica, com seus parceiros afetivos ou até mesmo nas reuniões familiares, eles sempre desejam ser o centro das atenções. Eles geralmente estão dispostos a fazer qualquer coisa para alcançar seus objetivos, o que acaba causando sofrimento para aqueles que convivem com eles. Essas informações foram fornecidas por Erlei Sassi, coordenador do Ambulatório Integrado de Transtornos de Personalidade e do Impulso do Instituto de Psiquiatria da Universidade de São Paulo (IPq – USP).

Tratamento do Transtorno de Personalidade Narcisista: Abordagens e Estratégias

Normalmente, indivíduos que possuem transtorno de personalidade narcisista tendem a demorar para buscar auxílio médico e, frequentemente, chegam ao profissional por razões secundárias.

De acordo com o dr. Sassi, muitas pessoas procuram a ajuda de um psiquiatra devido à depressão, sensação de vazio existencial, dificuldade para dormir, pensamentos repetitivos e intrusivos, isolamento social excessivo, raiva descontrolada e também por causa do abuso de álcool e dependência em outras substâncias.

Após a confirmação do diagnóstico, os pacientes são direcionados para sessões de psicoterapia. Geralmente, as abordagens mais efetivas nesses casos são a terapia cognitivo-comportamental e a psicodinâmica.

You might be interested:  Ousadia e Glória: A Jornada do Atlético Mineiro na Libertadores

Em certos casos, é possível que sejam prescritos remédios para tratar condições coexistentes, como transtornos de ansiedade e depressão.

Transtorno de personalidade narcisista: as implicações do ego inflado

É frequente que indivíduos com transtorno de personalidade narcisista enfrentem dificuldades nos relacionamentos devido à sua relutância em buscar tratamento. Isso resulta em complicações no cotidiano, tais como: [lista as complicações].

Existem várias situações que podem causar problemas emocionais e mentais, como dificuldades no trabalho ou na escola, sentimentos de tristeza profunda e preocupação constante (depressão e ansiedade), abuso de substâncias como drogas ou álcool, pensamentos ou comportamentos suicidas, falta de conexão social com outras pessoas (isolamento) e relacionamentos instáveis e conflituosos.

Samantha Cerquetani é uma jornalista especializada em saúde e ciência que contribui para o Portal Drauzio Varella. Seu trabalho se concentra na área da medicina, nutrição e bem-estar. Ela escreve conteúdo informativo em português para o público brasileiro.

Características de uma pessoa narcisista

Ter uma sensação exagerada e infundada da sua própria importância e talentos, conhecida como grandiosidade, é uma das características centrais de uma pessoa narcisista. Essas pessoas tendem a se considerar superiores aos outros em diversos aspectos, seja na inteligência, beleza, poder ou até mesmo no amor perfeito. Elas alimentam fantasias de realizações ilimitadas e desejam ser reconhecidas por suas supostas habilidades excepcionais.

P.S.: É importante ressaltar que esses traços não devem ser confundidos com autoestima saudável ou confiança em si mesmo. O comportamento narcisista vai além disso, pois envolve uma visão distorcida da realidade e um desejo insaciável por admiração constante dos outros.

Identificando uma pessoa narcisista

Pessoas com transtorno da personalidade narcisista são caracterizadas por um senso aguçado de autoimportância, ausência de empatia e sentimentos grandiosos de serem únicas. Esses indivíduos tendem a se considerar superiores aos outros e esperam ser constantemente admirados e elogiados. Eles têm uma necessidade constante de atenção e admiração, buscando constantemente validação externa para sustentar sua frágil autoestima.

Por trás dessas características aparentemente confiantes, no entanto, existe uma autoestima frágil e vulnerável às menores críticas. Pessoas narcisistas muitas vezes escondem inseguranças profundas sob uma fachada arrogante ou superioridade. Elas podem ter dificuldade em lidar com qualquer forma de rejeição ou crítica, pois isso ameaça sua visão inflada de si mesmas.

Essa fragilidade emocional pode levar as pessoas narcisistas a reagirem defensivamente quando confrontadas com suas falhas ou erros. Em vez de admitir responsabilidade pelos seus comportamentos inadequados, eles tendem a culpar os outros ou minimizar o impacto negativo que causaram nas outras pessoas.

You might be interested:  Sonhar Com O Casamento de Outra Pessoa: Uma Jornada Onírica na Vida Alheia

P.S.: É importante ressaltar que nem todas as pessoas que apresentam traços narcisistas possuem um transtorno da personalidade narcisista diagnosticado clinicamente. O diagnóstico requer critérios específicos estabelecidos pelo Manual Diagnóstico e Estatístico dos Transtornos Mentais (DSM-5).

Definição de transtorno narcisista

O transtorno de personalidade narcisista é uma condição em que a pessoa possui um senso exagerado de importância e superioridade. Ela constantemente busca admiração e elogios dos outros, enquanto demonstra falta de empatia pelos sentimentos e necessidades alheias. O diagnóstico desse transtorno é feito através da observação clínica dos comportamentos característicos. O tratamento mais comum para o narcisismo é a psicoterapia psicodinâmica, onde o indivíduo pode explorar suas emoções, entender as raízes do seu comportamento narcisista e aprender a desenvolver relações mais saudáveis com os outros.

– Transtorno de personalidade narcisista: quando alguém se sente muito importante e melhor do que os outros.

– Características: busca constante por elogios, falta de consideração pelos sentimentos das outras pessoas.

– Diagnóstico: feito por profissionais através da observação dos comportamentos típicos.

– Tratamento: geralmente envolve terapia para ajudar a pessoa a entender suas emoções e desenvolver relacionamentos melhores.

Identificando o narcisista em você

Os narcisistas são indivíduos que se destacam por suas características distintas em relação ao restante das pessoas. Uma das principais características de um narcisista é a falta de empatia, ou seja, eles têm dificuldade em se colocar no lugar do outro e compreender seus sentimentos e necessidades.

Outra característica marcante dos narcisistas é seu interesse excessivo pelo status social. Eles estão sempre preocupados com sua posição na hierarquia social, buscando estar acima dos outros e serem vistos como superiores. Esse comportamento muitas vezes leva-os a menosprezar as conquistas alheias e buscar constantemente formas de se destacarem.

Por fim, os narcisistas tendem a ter dificuldades em ouvir os outros. Eles costumam monopolizar as conversas, interromper frequentemente as falas alheias e não demonstram interesse genuíno nas opiniões ou experiências dos demais. Sua atenção está voltada principalmente para si mesmos, tornando difícil estabelecer uma comunicação saudável com eles.

P.S.: É importante ressaltar que nem todas as pessoas possuem todas essas características em grau elevado para serem consideradas verdadeiros narcisistas. O diagnóstico desse transtorno requer uma avaliação profissional adequada feita por psicólogos ou psiquiatras.