Quando Completa 9 Meses De Gestação? - CLT Livre

Quando Completa 9 Meses De Gestação?

Que semana completa 9 meses de gravidez?

Outra dúvida é: 9 meses se iniciam com 38 semanas, mas o bebê pode nascer com 9 meses e 1 semana (39 semanas), 9 meses e 2 semanas ( 40 semanas ), 9 meses e 3 semanas (41 semanas), 9 meses e 4 semanas (42 semanas). A data provável do parto é aquela em que a maioria dos bebês nasce: 40 semanas.

Estou com 37 semanas de gestação são quantos meses?

Como funciona o crescimento do bebê durante a 37ª semana de gravidez – O bebê com 37 semanas já é exatamente o bebê que nascerá! A única diferença é o peso. Quanto mais ele ficar dentro do útero, mais ganhará. Nesta última semana, o bebê chupa dedo, puxa o cordão umbilical, e se nascer hoje, será considerado a termo quando entrarmos no 9º mês de gestação.

A data de vencimento do seu bebê é uma estimativa do médico. Nesta fase, o bebê continua crescendo e acumulando gordura na pele, que regula a temperatura corporal fora do útero após o seu nascimento. Outro ponto importante é que os reflexos de sucção se desenvolvem cada vez mais e preparam o bebê para a amamentação.

Além disso, o líquido amniótico absorvido pelo bebê é absorvido nos intestinos, resultando na formação de mecônio, que é a primeira evacuação do bebê ao nascer.

Quantos meses e 9 meses de gestação?

O nono mês de gestação corresponde à 33ª e a 36ª semana lunar.

Estou de 36 semanas de gestação são quantos meses?

9 meses de gravidez, o último!

É normal o bebê nascer com 37 semanas?

O prematuro é a criança que nasceu pré-termo, ou seja, antes de completar 37 semanas de gestação, podendo ser classificado de acordo com a idade gestacional ao nascer, sendo o prematuro limítrofe aquele nascido entre 36 e 37 semanas; moderado nascido entre 31 e 36 semanas e prematuro extremo aquele nascido entre 24 e 30 semanas de idade gestacional.

É um bebê biologicamente mais vulnerável do que aquele nascido a termo (com 37 semanas de gestação ou mais), devido à sua imaturidade orgânica, necessitando, muitas vezes, de cuidados especiais. As ações para a qualificação da assistência à gestação se iniciam nos serviços da Atenção Primária no Sistema Único de Saúde.

Este nível de atenção é capaz de resolver até 80% dos problemas de saúde da população, além de ofertar de forma gratuita e integral todo o acompanhamento pré-natal das gestantes. Quando necessário, como no caso da prematuridade, há o encaminhamento do bebê para a atenção especializada.

O Método Canguru é uma ação estratégica para reduzir o impacto da prematuridade no desenvolvimento do recém-nascido. Para o acompanhamento da criança prematura é necessário saber que há a idade cronológica, ou seja, idade real que a criança tem desde o nascimento, e a idade corrigida, ou seja, é a idade que a criança teria se tivesse nascido com 40 semanas.

Para crianças que nasceram com extremo baixo peso e abaixo de 28 semanas de idade gestacional a recomendação é de utilizar a idade corrigida até os 3 anos de vida, já para os demais prematuros a recomendação é utilizar a idade corrigida até os 2 anos.

  1. A idade corrigida deve ser utilizada principalmente ao avaliar o crescimento e os marcos do desenvolvimento da criança prematura.
  2. Para calcular a idade corrigida utiliza-se a idade cronológica menos as semanas que faltaram para completar as 40 semanas de gravidez, por exemplo, se o parto ocorreu com 32 semanas de gestação, quando o lactente tiver 4 meses de idade cronológica ele terá 2 meses de idade corrigida.

Em todo o mundo, 15 milhões de crianças nascem prematuras todos os anos. No Brasil, são, em média, 330 mil bebês ao ano que nascem antes das 37 semanas de gestação. De acordo com o Ministério da Saúde, 11,7% de todos os partos feitos no país ocorrem antes do tempo.

Porque 40 semanas são 9 meses?

Uma vez que temos meses com 28, 30 e 31 dias, alguns médicos costumam sugerir que os cálculos relativos ao tempo de gravidez de uma mulher sejam feitos de acordo com o calendário lunar. Isso significa, basicamente, considerar o seguinte: – 1 semana lunar = 7 dias – 1 mês lunar = 4 semanas de 7 dias = 28 dias Como o período compreendido entre o início da gestação e o dia do parto tem cerca de 280 dias, podemos perceber que esse valor corresponde a 40 semanas.

  • Uma vez que um mês lunar tem 4 semanas, 40 semanas de gravidez correspondem a 10 meses lunares.
  • Agora que você já compreendeu essas contas, vamos seguir adiante, falando sobre o décimo mês de gestação.
  • Esse período, compreendido entre a 37ª semana lunar até a 40ª; geralmente é a reta final da gravidez.

Vale lembrar, no entanto, que em muitos casos, o bebê pode nascer antes da 40ª semana, ou mesmo atrasar um pouco mais. Neste último caso, o médico não costuma permitir que a gravidez continue por mais de duas semanas após o período estipulado (ou seja: a 40ª semana), marcando uma cesariana.

  • Como a ansiedade costuma ser muita, nesse período a gestante quase não dorme.
  • Muitas vezes tem câimbras, seus pés incham, há dificuldades para andar, e até mesmo respirar, já que sua barriga tende a estar muito grande, quase pronta para o grande momento.
  • Isso comprime ainda mais a bexiga, fazendo com que vá ao banheiro com frequência maior.

Tontura, ânsia de vômito e mau humor também podem se manifestar. Por outro lado, como a euforia costuma ser muito grande, algumas mulheres costumam ocupar o seu tempo, nesse período, organizando os últimos preparativos para a chegada do bebê, incansavelmente.

  • Aos poucos, a vagina vai dilatando cada vez mais.
  • Algumas vezes pode expelir pequenos sangramentos, parecidos com borra de café.
  • Por volta da 41ª semana, costuma perder o tampão mucoso, que sela o cérvix e protege a mulher contra infecções que poderiam interferir em sua gravidez.
  • Após esse período, as contrações costumam se manifestar.

Não pare agora. Tem mais depois da publicidade 😉 Existem as falsas contrações e as realmente relacionadas ao parto. Estas são regulares, diminuindo progressivamente o intervalo entre uma e outra, ao mesmo tempo em que se tornam mais dolorosas. Aquelas não seguem um padrão em sua frequência, e tampouco em relação à intensidade da dor.

You might be interested:  Pode Comer Peixe Quando Faz Tatuagem?

Lá dentro, o bebê já está completamente desenvolvido, pronto para nascer a qualquer momento. A partir daí, as mudanças mais significativas serão em torno de seu tamanho e peso, que costumam aumentar um pouco, ficando com cerca de 50 centímetros de comprimento e 3,5kg – vale lembrar que meninos tendem a ser maiores e mais pesados que as meninas.

A criança está com as unhas relativamente compridas e lóbulos da orelha endurecidos. Nesse período, costuma soluçar bastante; e é capaz de sugar, mexer as pálpebras e até mesmo chorar, ou brincar com seu cordão umbilical. Seus movimentos sentidos pela mãe também passam a ser mais frequentes.

Até antes do parto, os ossos da criança ainda são bem flexíveis e relativamente macios, solidificando após esse momento. Tal fato facilita sua saída, durante o parto normal. Falando nisso, é bom que a mãe evite alimentos que provocam gases, uma vez que, caso esteja com esse problema, poderá sentir muito desconforto durante o parto.

Por outro lado, é bom investir naqueles com vitamina K, como espinafre, trigo, alface e tomate, já que podem evitar o sangramento excessivo durante tal momento. Por Mariana Araguaia Bióloga, especialista em Educação Ambiental Equipe Brasil Escola Acompanhamento mês a mês – Gravidez – Biologia – Brasil Escola

Quantas semanas é o certo para o bebê nascer?

Ilustração: obstetra Luciana Taliberti Com quantos meses o bebê já está completamente formado? Toda a formação do bebê acontece nas 12 primeiras semanas de gestação. O primeiro trimestre é um período muito importante. Depois os órgãos crescem e amadurecem.

  1. Se considerarmos que o bebê está completamente formado e com o pulmão maduro (último órgão a amadurecer), conforme a literatura, são necessárias 37 semanas.
  2. É importante ressaltar que algumas patologias, como a diabetes gestacional, apesar de favorecerem o nascimento de bebês grandes, retardam o amadurecimento pulmonar.

Por isso, alguns bebês de mães diabéticas apresentam desconforto respiratório mesmo após as 37 semanas. A duração regular da gravidez varia de 37 a 42 semanas. Aos oito meses, o bebê já pode nascer sem riscos? Existem bebês que entram em trabalho de parto prematuramente e escolhem nascer antes das 37 semanas.

Nós, médicos, evitamos que nasçam antes desse período. Algumas patologias podem provocar risco maior do que o benefício de esperar as 37 semanas. Nesses casos, ocorrem nascimentos prematuros. Portanto, o bebê pode nascer antes de 37 semanas. No entanto, ele é considerado termo após a 37.ª semana. Alguns bebês que nascem após a 37.ª e antes da 39.ª semana, apesar de serem considerados a termo, têm maior probabilidade de apresentar desconforto respiratório.

Caso seja escolha da mãe induzir um parto normal ou passar por uma cesárea eletiva, devemos realiza-los após 39 semanas. O recém-nascido a termo é aquele cuja idade gestacional é de 37 a 42 semanas. O recém-nascido pré-termo nasce com menos de 37 semanas.

  • O recém-nascido pós-termo é um bebê que nasce após 42 semanas.
  • Quando uma gestação a termo está chegando ao fim, pode ocorrer uma redução do funcionamento da placenta.
  • Por isso, após 40 semanas a gestação merece maior vigilância e atenção! Quais as principais mudanças no desenvolvimento dos bebês a cada semana? 1ª semana O método de contagem da idade gestacional começa antes de ter acontecido a concepção (fecundação).

Dessa forma, a semana 1 começa com o primeiro dia da sua última menstruação.2ª semana Neste momento está acontecendo o preparo do berço do bebê, ou seja, o útero está sofrendo profundas modificações para receber o futuro embrião em desenvolvimento. É no fim da segunda semana e início da terceira semana que acontecem a ovulação e a fecundação.

Os espermatozoides encontram-se com o óvulo na trompa e a vida começa. É um processo que leva cerca de 24 horas.3ª semana O folículo que liberou o óvulo no ovário se transforma em um cisto hemorrágico, produtor de progesterona e que chamamos de corpo lúteo. Ele é o responsável por manter as condições favoráveis, intra útero para a implantação do bebê.4ª semana No final desta semana, as células do embrião se multiplicam e dão origem ao blastocisto, que caminha da trompa em direção ao útero.5ª semana No início desta fase, o embrião tem a forma de um “disco minúsculo”, pois mede cerca de 0,4 mm; no final dessa fase, ele tem a forma de uma “sola de sapato” (a região da cabeça é mais larga e maior que a região da cauda) e mede em torno de 2,5 mm.6ª semana Os batimentos cardíacos já começaram e são visíveis ao ultrassom obstétrico transvaginal.

O embrião mede cerca de 2,5 mm de comprimento no início dessa semana e tem a forma de um “s”. O embrião já apresenta o esboço da cabeça, coração e um tubo neural.7ª semana O bebê mede cerca de 6 mm de comprimento no início desta semana (é o tamanho de um grão de arroz).

  1. A formação dos braços e pernas continua, embora os dedos das mãos e dos pés ainda não tenham se formado.8ª semana O embrião mede cerca de 12-13 mm de comprimento no início desta semana.
  2. A face continua a mudar; aparecem as orelhas, os olhos e a ponta do nariz.9ª semana No início desta semana, o bebê mede cerca de 15-16 mm.

As primeiras ondas cerebrais são detectadas. A estrutura básica dos olhos já está bem adiantada, porém ainda situados de cada lado da cabeça do embrião.10ª semana No início desta semana, o bebê mede cerca de 22 mm. Ele começa a se movimentar dentro do útero, embora a mãe não perceba.

  1. Os olhos estão bem desenvolvidos, porém ainda situados de cada lado da cabeça do embrião.11ª Semana A partir de agora, o bebê passa a ser chamado de feto.
  2. A parte mais crítica do desenvolvimento já terminou.
  3. Esse é um período de rápido crescimento e desenvolvimento, e o bebe tem cerca de 26 mm de comprimento no início da semana, atingindo aproximadamente 50 mm no final.12ª semana Nesta fase, quase todos os órgãos e estruturas do feto estão formados.

Eles continuarão a crescer e se desenvolver até o parto. Os dedos das mãos e pés já se separaram e os pelos e unhas iniciam o seu crescimento.13ª semana Enquanto o bebê continua a crescer, começam a se formar as cordas vocais. A face parece cada dia mais com o rosto humano.

  • Os olhos começam a se mover para ficarem juntos na frente da face, assumindo sua posição normal e definitiva.14ª semana O feto mede cerca de 14 a 15 cm de comprimento e pesa em torno de 40 a 60 gramas.
  • Começa a fazer movimentos respiratórios – inspiração e expiração.
  • Os olhos e ouvidos continuam a se desenvolver e a assumir suas posições definitivas.15ª semana Se você fizer um exame de ultrassom vai notar seu bebê sugando o polegar.

Os ossos estão ficando mais duros a cada dia. A pele é muito fina e transparente.16ª semana Os ossos estão cada vez mais enrijecidos. Agora as pernas são maiores que os braços e ele move os membros com muita frequência.17ª semana Esse é um período de rápido crescimento, quando começa a deposição de gordura sob a pele do bebê.

O feto e a placenta possuem o mesmo tamanho agora.18ª semana Seu bebê está perto das 260 gramas e tem feições humanas completas; mede cerca de 19 cm de comprimento. As pontas dos dedos estão mais recheadas, os olhos estão olhando para a frente (antes eles estavam na parte lateral da face).19ª semana É um período de intenso crescimento.

You might be interested:  Celular Que Carrega Por Indução?

Mede cerca de 20 cm dos pés à cabeça e pesa cerca de 300-320 gramas.20ª semana Estamos na metade do caminho da gestação e o bebê dorme e acorda como um recém-nascido. Os cabelos do couro cabeludo começam a se formar. A presença dos pelos temporários, chamados de “lanugo”, aparecem na cabeça.21ª semana A fase de crescimento rápido começa a se reduzir.

Os cílios e o couro cabeludo tornam-se mais visíveis e o feto pisca mais frequentemente. O lanugo cobre completamente o corpo, embora seja mais concentrado em torno da cabeça, pescoço e face.22ª semana O bebê está perto de meio quilo, ainda muito magrinho, porém bem desenvolvido. Mede cerca de 26 cm da cabeça aos pés.

Os cílios e as sobrancelhas estão formados e o cérebro começa a crescer rápido.23ª semana Seu bebê pesa cerca de 580 gramas nesta fase. Mede cerca de 27 cm da cabeça aos pés. O corpo torna-se mais proporcional a cada dia e os ossos do ouvido médio começam a endurecer, tornando possível a condução do som.24ª semana O feto ainda é magro e não possui muito tecido gorduroso.

O bebê deve ganhar cerca de 80 gramas esta semana enquanto o corpo começa a se tornar mais rechonchudo.25ª semana As estruturas da coluna – 33 anéis, 150 juntas e cerca de 1000 ligamentos – começam a se formar. Os vasos sanguíneos dos pulmões estão em desenvolvimento e as narinas se abrem. Os pulmões já são capazes de se adaptar à vida extra-uterina.26ª semana Seu bebê está pesando cerca de 900-1000 gramas e medindo cerca de 31-32 centímetros de comprimento.

Os vasos sanguíneos começaram a se proliferar nos pulmões na última semana; os pequenos sacos de ar pulmonares (alvéolos) terminam sua formação nesta semana.27ª semana Durante essa semana o cérebro continua seu rápido crescimento e os pulmões já estão quase completamente desenvolvidos.

Os pulmões são capazes de respirar o ar.28ª semana O bebê está crescendo e se desenvolvendo a uma velocidade incrível. As sobrancelhas e os cílios estão presentes e os cabelos, mais espessos. As pálpebras se abrem e os olhos estão completamente formados.29ª semana A cabeça do feto começa a ficar proporcional ao resto do corpo.

Ele pesa cerca de 1300 gramas e mede em torno de 37 centímetros. O acúmulo de gordura sob a pele continua.30ª semana O bebê pesa metade do peso que terá ao nascer, em torno de 1500 gramas. Mede cerca de 39 centímetros da cabeça aos pés. A superfície do cérebro fetal apresenta um aspecto enrugado com circunvoluções do tecido nervoso.31ª semana O crescimento do comprimento começa a diminuir um pouco, mas o peso aumenta cerca de 200 gramas por semana.

  • O cérebro passa por mais um período de rápida expansão.
  • O tamanho da cabeça aumenta à medida em que o cérebro em crescimento empurra o crânio externamente, criando mais circunvoluções na superfície.32ª semana O feto começa a definir a posição com que irá nascer e após 34 semanas fica mais difícil mudar a apresentação.

Os olhos se abrem na fase alerta e se fecham durante o sono. A cor dos olhos é geralmente cinza, embora a pigmentação permanente ainda não esteja totalmente desenvolvida.33ª semana O líquido amniótico atinge o seu nível máximo na gravidez. O rápido crescimento do cérebro aumentou o tamanho da cabeça cerca de 1 centímetro.34ª semana O bebê já responde como um recém-nascido, com seus olhos abrindo e fechando durante o ato de dormir e acordar.

Há um franco desenvolvimento da imunidade para lutar contra infecções.35ª semana A cabeça se posiciona na pelve. A maioria dos bebês fica de cabeça para baixo antes do parto. As gengivas apresentam os sulcos dentários. O sistema gastrointestinal é ainda muito imaturo e permanecerá assim até três a quatro meses após o nascimento.36ª semana Faltando cerca de 4 semanas para o final, o feto está quase pronto para nascer.

Ele pode adentrar o canal de parto a qualquer momento a partir de agora. Nesta semana a gordura está preenchendo os ombros e joelhos, além de formar dobras no pescoço.37ª semana A partir de 37 semanas, o bebê estará pronto para nascer. Ele pesa cerca de 3 quilos e mede em torno de 47 centímetros.

O corpo está mais arredondado devido a novos depósitos de gordura.38ª semana O bebê está ganhando cerca de 30 gramas por dia agora. Seus intestinos estão acumulando grande quantidade de mecônio (as primeiras excretas do bebê). A circunferência da cabeça e a do abdome têm o mesmo tamanho nesta fase.39ª semana O bebê se prepara para nascer em poucos dias.

O crânio ainda não é totalmente sólido, apresentando fontanelas (conhecidas popularmente como “moleiras”) que ainda estão separadas e podem ser apertadas umas contra as outras durante o trabalho de parto.40ª semana O bebê pesa em torno de 3.000 a 3.500 gramas e mede cerca de 50 centímetros dos pés à cabeça.

Quantas semanas e 10 meses?

29 a 32 semanas de gestação: 8 meses.33 a 36 semanas de gestação: 9 meses.37 a 40 semanas de gestação: 10 meses.

É possível ter parto normal de 36 semanas?

Desenvolvimento do bebê com 36 semanas de gestação – O sistema digestivo do bebê está formado, o que significa que ele já conseguiria sugar e digerirse nascesse nesse momento. Com 36 semanas, o feto ainda é considerado e pode requerer ou não cuidados em umase chegar ao mundo.

  • Portanto, o melhor mesmo é ele permanecer ganhando peso e força aí no quentinho da sua barriga, apesar do cansaço de gravidez que quase toda mulher sente a essa altura.
  • A fina camada de pelos () que cobre todo o corpo do bebê começa a cair, assim como aquela substância gordurosa () que protege a pele dele do.

Mas não é incomum que um e com vérnix recobrindo o corpo. 1. O sistema digestivo do bebê está formado, mas ele ainda é considerado prematuro; 2. O lanugo e o vérnix caseoso, que estiverem presentes na segunda metade da gestação, estão se desprendendo da pele do bebê — Foto: Getty Images

Pode estourar a bolsa com 36 semanas?

Page 2 – Quando a mulher entra na 36ª semana de gestação, o bebê está crescendo, terá ganho bastante peso e a barriga já estará bem grande, afinal, é o início do último mês de gravidez. A pele do bebê já é mais lisa, o lanugo (camada fina de pelo sob a pele) começa a desaparecer e os traços do rosto já estão bem desenhados.

Qual o tempo de uma gestação normal?

Quanto tempo dura uma gravidez? –

  • Se fizermos essa pergunta de quanto tempo dura uma gravidez, muitos vão responder que sabem e que a gravidez dura 9 meses.
  • Porém, não é bem assim.
  • A contagem das semanas acaba confundindo muitas pessoas.
  • Quando uma gestante fala que está de 25 semanas, 32 semanas, sempre vem aquela pergunta:
  • Quantos meses é isso?
  1. De quantos meses você está?
  2. Por isso, resolvemos explicar como funciona a contagem.
You might be interested:  10 Coisas Que Eu Odeio Em Você?

Leia também

  • Se nós contarmos em semanas, a gravidez dura em torno de 40 semanas podendo se estender até 42 semanas de gestação.
  • Se contarmos em meses, ela dura 9 meses, só que são 9 meses terrestres.
  • Você já ouviu falar nos meses terrestres?
  • Pois é, nós contamos em semanas por conta dos meses lunares.
  • Quando falamos que dura 9 meses terrestres, a gente diz também que pode durar 10 meses lunares, já que cada mês lunar é composto por 4 semanas.
  • Nem todos os meses terrestres possuem 4 semanas, alguns tem 4 semanas e outros 5 semanas.
  • Ou seja, em termos de duração para que você entenda, a gestação dura 9 meses terrestres, ou 10 meses lunares, ou 40 semanas de gestação podendo estender até 42 semanas de gestação.
  • Ainda assim, se quisermos ser mais “certinhos” a gente pode falar que a gestação dura desde a data da última menstruação aproximadamente 280 dias ou da data da concepção em torno de 268 dias de duração.
  • Nesse sentido, o médico conta normalmente em semanas, pois essa contagem é realizada com base na data da última menstruação.
  • Contudo, sabemos que a mulher não vai engravidar no primeiro dia da menstruação, pois geralmente essa gestação ocorre em torno de duas semanas depois, “batendo” mais ou menos com o período ovulatório.
  • Por isso, que a gestação não vai só até 40 semanas e ela pode se estender um pouquinho mais até 42 semanas.
  • Isso ocorre devido a diferença de tempo da data da última menstruação até a data da ovulação que seria a data da concepção.
  • Gostou desse tipo de conteúdo?
  • A nossa dica é nos acompanhar nas redes sociais !

Leia também Estamos constantemente publicando conteúdos valiosos sobre gestação e saúde da mulher. Esperamos ter ajudado! Descubra tudo que ocorre: junho 15, 2022 agosto 11, 2023 maio 29, 2020 Usamos cookies em nosso site para fornecer a melhor experiência, lembrando suas preferências e visitas repetidas, assim como enviar conteúdo de sua preferência.

Tem como ter 10 meses de gravidez?

Os bebês nascem, geralmente, até o fim do décimo mês lunar. No entanto, há gravidezes que se estendem até o décimo primeiro mês de gestação ; que compreende o período entre a 41ª e a 42º semana lunar. Se o bebê não nasceu até a 40ª semana lunar, provavelmente virá ao mundo no máximo até a 42ª.

Pode fazer ultrassom com 39 semanas?

A Ultrassonografia Doppler é utilizada principalmente no final da gestação (26ª a 38ª semanas) e não representa risco para a grávida e seu bebê. Com ele é possível avaliar, por exemplo, a condição de nutrição do bebê.

Estou com 33 semanas de gestação são quantos meses?

Com 33 semanas de gravidez, que equivalem a 8 meses, o bebê é bastante ativo. Mexe-se muito e dá chutes dentro da barriga da mãe.

Estou com 31 semanas de gestação são quantos meses?

31ª SEMANA DE GESTAÇÃO | 8 Meses, Como está o Bebê, Lavar Roupas do Bebê | 3º TRIMESTRE DE GRAVIDEZ – YouTube.

Quantos meses equivale a 31 semanas?

Quantos meses são 31 semanas de gravidez? – Completar 31 semanas de gravidez significa que você chegou a 8 meses de gestação, Ao converter esse tempo para números, temos o resultado de 211 dias.

Quanto que é 40 semanas?

10º mês de gestação. Características do décimo mês de gestação – Brasil Escola

Uma vez que temos meses com 28, 30 e 31 dias, alguns médicos costumam sugerir que os cálculos relativos ao tempo de gravidez de uma mulher sejam feitos de acordo com o calendário lunar. Isso significa, basicamente, considerar o seguinte:- 1 semana lunar = 7 dias – 1 mês lunar = 4 semanas de 7 dias = 28 diasComo o período compreendido entre o início da gestação e o dia do parto tem cerca de 280 dias, podemos perceber que esse valor corresponde a 40 semanas.Uma vez que um mês lunar tem 4 semanas, 40 semanas de gravidez correspondem a 10 meses lunares.

Agora que você já compreendeu essas contas, vamos seguir adiante, falando sobre o décimo mês de gestação. Esse período, compreendido entre a 37ª semana lunar até a 40ª; geralmente é a reta final da gravidez. Vale lembrar, no entanto, que em muitos casos, o bebê pode nascer antes da 40ª semana, ou mesmo atrasar um pouco mais.

Neste último caso, o médico não costuma permitir que a gravidez continue por mais de duas semanas após o período estipulado (ou seja: a 40ª semana), marcando uma cesariana. Como a ansiedade costuma ser muita, nesse período a gestante quase não dorme. Muitas vezes tem câimbras, seus pés incham, há dificuldades para andar, e até mesmo respirar, já que sua barriga tende a estar muito grande, quase pronta para o grande momento.

Isso comprime ainda mais a bexiga, fazendo com que vá ao banheiro com frequência maior. Tontura, ânsia de vômito e mau humor também podem se manifestar. Por outro lado, como a euforia costuma ser muito grande, algumas mulheres costumam ocupar o seu tempo, nesse período, organizando os últimos preparativos para a chegada do bebê, incansavelmente.

  • Aos poucos, a vagina vai dilatando cada vez mais.
  • Algumas vezes pode expelir pequenos sangramentos, parecidos com borra de café.
  • Por volta da 41ª semana, costuma perder o tampão mucoso, que sela o cérvix e protege a mulher contra infecções que poderiam interferir em sua gravidez.
  • Após esse período, as contrações costumam se manifestar.

Não pare agora. Tem mais depois da publicidade 😉 Existem as falsas contrações e as realmente relacionadas ao parto. Estas são regulares, diminuindo progressivamente o intervalo entre uma e outra, ao mesmo tempo em que se tornam mais dolorosas. Aquelas não seguem um padrão em sua frequência, e tampouco em relação à intensidade da dor.

Lá dentro, o bebê já está completamente desenvolvido, pronto para nascer a qualquer momento. A partir daí, as mudanças mais significativas serão em torno de seu tamanho e peso, que costumam aumentar um pouco, ficando com cerca de 50 centímetros de comprimento e 3,5kg – vale lembrar que meninos tendem a ser maiores e mais pesados que as meninas.

A criança está com as unhas relativamente compridas e lóbulos da orelha endurecidos. Nesse período, costuma soluçar bastante; e é capaz de sugar, mexer as pálpebras e até mesmo chorar, ou brincar com seu cordão umbilical. Seus movimentos sentidos pela mãe também passam a ser mais frequentes.

Até antes do parto, os ossos da criança ainda são bem flexíveis e relativamente macios, solidificando após esse momento. Tal fato facilita sua saída, durante o parto normal. Falando nisso, é bom que a mãe evite alimentos que provocam gases, uma vez que, caso esteja com esse problema, poderá sentir muito desconforto durante o parto.

Por outro lado, é bom investir naqueles com vitamina K, como espinafre, trigo, alface e tomate, já que podem evitar o sangramento excessivo durante tal momento. Veja mais! : 10º mês de gestação. Características do décimo mês de gestação – Brasil Escola