Artigo De Opinião Sobre Ead? - CLT Livre

Artigo De Opinião Sobre Ead?

Artigo De Opinião Sobre Ead
Pedagoga expressa opinião sobre EAD Em artigo publicado nesta segunda-feira, dia 14, no Diário Comércio, Indústria & Serviços, a autora Jucimara Roesler destaca as tendências da educação a distância. Para ela, EAD e tecnologia caminham juntos. Os avanços tecnológicos podem ser aplicados no ensino, contribuindo para a formação pedagógica.

  1. No início do texto, é apresentando um balanço do crescimento da EAD.
  2. Dados do Censo Ead.br de 2008 apontam que, em quatro anos, as matrículas nessa modalidade, no Brasil, triplicaram.
  3. Outro dado expressivo é o aumento do número de instituições com cursos a distância: de 166, em 2004, para 376, em 2008.

Aplicar tecnologias no ensino envolve, inclusive, a metodologia. Jucimara cita que todos os elementos devem ser utilizados para que a interação entre aluno e professor seja potencializada. Para isso, diz ela, deve se investir na conectividade, mobilidade e portabilidade, por exemplo.

  • Com isso, o aluno pode ter acesso ao professor independentemente de onde estiver.
  • A autora expõe ainda que, com a evolução das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC), o modo de transmitir ensino foi se atualizando.
  • O uso das TIC serviu como alicerce para o desenvolvimento de metodologias educativas, que privilegiaram relacionamentos socioeducativos”, afirma.

Mesmo com o avanço tecnológico, o material didático ainda se faz necessário. É nele que o aluno tem disponível todo o conteúdo de forma organizada e prática. Para a autora, o livro também tem a facilidade da mobilidade sem a necessidade de conexão com a rede.

Os estudantes do mundo virtual conquistaram maturidade saudável para aproveitar as oportunidades e as ferramentas disponibilizadas no seu aprendizado”, destaca Jucimara Roesler. Além disso, o texto ressalta o último Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade), no qual alunos da modalidade a distância tiveram melhor desempenho do que os de presencial.

You might be interested:  Quanto Custa Para Fazer Declaração De Imposto De Renda?

Jucimara Roesler é pedagoga, mestre em Educação e doutora em Comunicação Social. A íntegra da opinião dela no Diário Comércio, Indústria & Serviços está disponível no link a seguir:, : Pedagoga expressa opinião sobre EAD
Ver resposta completa

Por que o EAD pode ser liberado?

Acesso à educação X Socialização – Pró: O ensino a distância é uma alternativa para alunos de áreas muito distantes, que tenham dificuldade de se deslocar até a escola de ensino básico. É o caso de estudantes de áreas rurais, indígenas e vulneráveis à exclusão escolar.

  1. O EaD também pode ser liberado em casos emergenciais, por motivos de saúde ou privação de liberdade ou para complementar o ensino dos estudantes.
  2. Contra: A convivência com outros alunos e professores é fundamental no processo de socialização.
  3. Em países desenvolvidos, os alunos de ensino básico ficam na escola cerca de 7h por dia.

A proposta de EaD no ensino básico afeta também a rotina das famílias, pois com crianças e jovens estudando em casa, é necessária a supervisão dos responsáveis, que geralmente precisam trabalhar fora. Ao pensar em regiões mais pobres, a escola básica ainda garante a alimentação dos estudantes, por meio da merenda escolar.
Ver resposta completa

Qual a diferença entre o ensino presencial e o EAD?

Qualidade do ensino – Pró: A qualidade do ensino a distância é a mesma que do ensino presencial, o tempo de curso também. Todas as instituições passam pelo reconhecimento do Ministério da Educação (MEC). Por lei, os cursos da modalidade EaD precisam ter até 30% das atividades de forma presencial, além da carga horário referente a estágios. (Foto: Rawpixel/Pixabay)
Ver resposta completa

Como surgiram os primeiros cursos de EaD?

Atualizado em 25/10/2022 – Em 2018, pela primeira vez, o número de vagas oferecidas no ensino a distância (EaD) ultrapassou a oferta em cursos presenciais no Ensino Superior, Segundo dados do Censo da Educação Superior, foram disponibilizadas 7.170.567 vagas para EaD, cerca de 800 mil a mais do que as oferecidas presencialmente.

  • Desde então, os cursos neste modalidade só vem crescendo.
  • Encontre bolsas de estudo para graduação Os primeiros cursos EaD surgiram em meados de 1890, nos Estados Unidos e Alemanha, onde eram oferecidos por meio de correspondências.
  • O ensino por cartas chegou ao Brasil nos anos 1960 e também contava com aulas transmitidas pelo rádio.
You might be interested:  O Que É Declaração De Benefícios Fiscais?

Veja também: + Veja os melhores cursos EaD, segundo o Guia da Faculdade 2021 + Enem 2022: local de prova é divulgado; confira Em 2005, a modalidade foi regulamentada na lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional pelo Ministério da Educação. Desde então, com o acesso maior à internet, o ensino a distância têm crescido cada vez mais e gerado polêmica.
Ver resposta completa

Como a proposta de EaD no ensino básico afeta a rotina das famílias?

Acesso à educação X Socialização – Pró: O ensino a distância é uma alternativa para alunos de áreas muito distantes, que tenham dificuldade de se deslocar até a escola de ensino básico. É o caso de estudantes de áreas rurais, indígenas e vulneráveis à exclusão escolar.

O EaD também pode ser liberado em casos emergenciais, por motivos de saúde ou privação de liberdade ou para complementar o ensino dos estudantes. Contra: A convivência com outros alunos e professores é fundamental no processo de socialização. Em países desenvolvidos, os alunos de ensino básico ficam na escola cerca de 7h por dia.

A proposta de EaD no ensino básico afeta também a rotina das famílias, pois com crianças e jovens estudando em casa, é necessária a supervisão dos responsáveis, que geralmente precisam trabalhar fora. Ao pensar em regiões mais pobres, a escola básica ainda garante a alimentação dos estudantes, por meio da merenda escolar.
Ver resposta completa